Windows Phone 7: Recursos de Softwares–Parte 1

by Jenner Maciejewsky 20. junho 2011 13:47

Como foi visto no post anterior, [Conhecendo o Windows Phone 7: Recursos de Hardware], a Microsoft definiu o hardware mínimo para rodar o WP7 com o objetivo de garantir mesmo resultado e experiência por qualquer usuário. E quanto ao software? O que foi feito para garantir ao usuário uma experiência inovadora e esse pudesse tirar o máximo proveito de todo esse hardware?  Sobre esse assuntos que abordarei neste post.

 

Se você acompanhou as noticias antes do lançamento do WP7, então deve ter percebido que além de muita expectativa a respeito do lançamento, também havia muitas criticas de diversos sites dizendo que a Microsoft não conseguiria inovar, que para a Microsoft participar desse mercado era preciso lançar um produto diferente do que já existia, iPhone e Androide, e a muitos duvidavam que isto fosse possível e até acreditavam que a Microsoft fosse copiar o iPhone ou Androide.

 

Era preciso romper com o passado e criar algo novo, não apenas novo do ponto de vista do que a Microsoft já tinha feito, mas novo em relação ao que já existia no mercado (iPhone e Androide). Então foi isso que a Microsoft fez, rompeu com o passado e inovou com uma interface totalmente diferente do que era visto nos celulares até então. Não foi apenas uma nova interface que a Microsoft criou para os dispositivos móveis, mas uma nova linguagem de design, que a Microsoft chama de Metro.

 

metro_02O Metro tem como base a mesma linguagem utilizada em placas de sinalizações, Terminal Check Signutilizadas para orientar as pessoas em Metrôs, Aeroportos, ônibus, transito e muitos outros lugares. O foco está na informação, sem a utilização de muitas cores ou formatos de fontes, desta forma a informação é clara e objetiva, o usuário consegue perceber de forma rápida o significado da informação.

 

Se seu WP7 estiver configurado para travar a tela após a inatividade, certamente a primeira tela que você terá contato é a tela de bloqueio, que foi projetada para oferecer ao usuário algumas informações importantes, como quantidade de e-mails não lidos, próximos compromissos, além de data e hora, e outros informações importantes. Desta forma o usuário não precisa destravar o seu aparelho para conhecer algumas informações.

A tela inicial é para o WP7 o que a sua área de trabalho é para o desktop, pois a partir dela é possível ter acesso direto a chamadas não atendidas, lista de contatos, suas mensagens e a todos os recursos instalados no seu aparelho.

windows-phone-7-wp7-lockscreenhd7-tmobile-MoreViews-1250surround-att%20%20-MoreViews-1236

 

Ao ter acesso a tela inicial você percebe que a Microsoft abandonou de vez o modelo dos antigos Windows Mobile, em que a área inicial lembrava o Windows usado nos desktops e notebooks.

 

Como pode ser visto na figura acima, o WP7 propõe uma experiência nova ao usuário, a distribuição das aplicações e recursos na tela inicial é feita através do que a Microsoft chama de Live tiles (Tiles em uma tradução direta são Telhas, como a maioria tem traduzido, mas prefiro azulejos, acredito que seja o correto, mas irei falar o tempo todo de Tiles), que são esses quadrados na tela inicial. Cada um desses Tile divulga informações sobre recursos/aplicações como chamadas não atendidas, contatos, mensagens, compromissos e outras informações relacionadas ao HUB (explicação nos próximos parágrafos) ou recurso. O tile de Contatos mostra imagens em miniaturas de seus contatos, enquanto que o de Jogos mostra animações com seu avatar usado no XBOX. Além de mostrar as informações, os Tiles serve de atalhos para os recursos, basta clicar sobre eles.  É possível escolher outras cores para representar seus Tiles.

 

HUBS

Outra novidade apresentada pela Microsoft está relacionada com a organização de conteúdos na tela do celular. Mesmo que por padrão os aparelhos com WP7 não venha com telas muito pequenas, ainda assim não é possível mostrar todas as informações em uma única tela, para solucionar esse problema,  Microsoft criou o conceito de HUBs, uma forma inteligente de mostrar esses recursos extensos, que é desenvolver o aplicativo para que usando panoramas, para que seja possível disponibilizar as informações em uma visão panorâmica, mas visualizando um pedaço do panorama por vez. Para visualizar o restante da informação basta deslizar o dedo sobre a tela para esquerda ou direita, como os panoramas apresenta a ideia de serem cilíndricos, então você pode manipula-los para qualquer lado.

VS_Panoramic_view

Mas dizer que os HUBs é apenas uma forma de visualização de um conteúdo, seria simplificar demais o poder deles. Ele resolve um problema comum a todos os smartphones, que é agregar informações de diferentes aplicativos em um único local. No WP7 informações em comum são agregadas e exibidas através dos HUBs. Por exemplo o HUB de Pessoas, que reúne em um único local informações sobre os seus contatos, o que esses contatos tem feito nas redes sociais e quais foram os últimos contatos com que você falou.

windows_phone_7_people_hub

O WP7 vem com sete HUBs criados pela Microsoft, o de Pessoas, Imagens, Musica e Vídeos, Jogos, Office e o do Marketplace.

 

panorama-ctrl_3O hub de fotos, permite acesso a todas as fotos armazenadas em seu celular, como também as fotos On-Line. As fotos são apresentadas em galerias, e podem ser visualizadas por datas, favoritas ou todas. Esse HUB tem integração com sua lista de contatos e mostra imagens que esses contatos postaram em redes sociais.

 

MusicVideoshub_US_web

A Microsoft trouxe para o WP7 os recursos do ZuneHD e criou o Hub de música e vídeo, com base nele. Neste Hub é possível visualizar as músicas e vídeos armazenadas localmente e online. Com integração On-Line, ao tocar uma música o background do hub é atualizado com informações sobre o artista. O que eu mais gosto aqui é a integração com o Zune, as informações sobre o que você estava escutando no celular é atualizada no site do Zune.

 

games-concept-hubO Hub de Jogos é outro que demonstra a total integração do WP7 com outros recursos da Microsoft, neste HUB é possível visualizar e jogar os jogos que você tem em seu celular, e ainda reproduzir informações de sua conta do XBOX Live e dos scores que você tem dos jogos que você joga na sua console de Xbox, até mesmo o avatar criado no Xbox é importado para seu celular.

windows_phone_7_office_hub_thumb

No Hub do Office a Microsoft disponibilizou um ponto central dos serviços locais e Online do Office, como editar arquivos do Word, Excel, Power Point e OneNote e até mesmo conectar ao SharePoint da empresa e acessar seus documentos. Os documentos são todos editáveis.

 

WP7_MarketplacehubO Hub do Marketplace é onde você encontra informações a sobre os aplicativos, games e musicas disponibilizados no marketplace, através deste hub você pode localizar e fazer download desses aplicativos. É neste hub que você irá receber notificação a respeito de qualquer atualização dos aplicativos instalados.

 

Vamos parar por aqui, no próximo post irei abordar assuntos como Internet, redes sociais, câmera e outros recursos.

 

 

Jenner Maciejewsk Rocha
MVP Visual Basic

Tags: , ,

Blog | General | MSDN | Windows Phone

Os comentários estão fechados

Posts Antigos

Awards